Você tem o costume de parar para olhar para dentro de si mesmo? Na correria do dia a dia, esquecemos de tirar um minuto para observar o nosso interior, as nossas emoções, os nossos pensamentos. Por isso, acabamos nos afastando da nossa essência, perdendo a nossa espiritualidade. Entenda como a introspecção é importante para todos e como podemos alcançá-la.

Introspecção e Espiritualidade: Por que elas são tão importantes?

Todos os dias nós nos olhamos no espelho, analisamos nossos pontos fortes e fracos, observamos cada detalhe do nosso corpo físico. Mas e o corpo espiritual? Não podemos nos esquecer que somos um conjunto de corpos: físico, emocional e espiritual (ou energético). Ao observar somente o nosso exterior, esquecemos 2 partes importantes e essenciais em nossa vida. Só conseguimos olhar para dentro e compreender os nossos pensamentos e sentimentos através da introspecção e espiritualidade.

Um tempo só para você

No ritmo acelerado em que vivemos, muitos dizem não ter tempo para fechar os olhos e observar o seu corpo interno, exercer a sua espiritualidade. Será mesmo? Apenas alguns minutinhos por dia bastam. Basta olhar para dentro, sentir o ritmo da sua respiração, observar como estão as suas emoções, quais as sensações que o seu corpo emite, quais partes estão em paz e quais precisam de cura e libertação. O nosso corpo é uma máquina perfeita, que funciona muito bem desde que cuidemos dela. Você já ouviu falar que não podemos deixar um computador ligado o tempo todo ou ele irá estragar mais depressa? Com o nosso corpo é a mesma coisa, precisamos desliga-lo um pouco, pacificá-lo, ouvi-lo para que ele funcione bem.

O poder da espiritualidade

A essência da espiritualidade é conhecer e libertar o nosso espírito. Libertar de toda a pressão, todo o peso e toda a insegurança que depositamos todos os dias em nós mesmos através do pensamento. Só podemos nos libertar quando nos conhecemos por dentro. A introspecção ajuda a nos conhecer e a espiritualidade ajuda a nos curar. Temos dentro de nós mesmos o poder de autocura, e ao alinharmos o nosso corpo físico com os nossos sentimentos e pensamentos conseguimos alcançar essa libertação. Exercer a espiritualidade é perceber que não somos apenas matéria física, mas que temos sim uma alma que vive dentro de nós e algo maior e Divino que nos rege, nos protege e nos cura.

Como alcançar a espiritualidade e a introspecção

É algo muito particular, cada um consegue se tornar uma pessoa mais espiritualizada e conhecedora de si mesmo através do seu próprio caminho. Alguns optam pela oração, pela conexão com o seu Deus, pela conversa franca que pede perdão pelas suas falhas e exerce a gratidão pelas suas graças alcançadas. Outros preferem a meditação, a conexão com o seu Eu Interior, o desligamento do mundo externo. Muitos têm optado pelos poderes da imposição de mãos do Reiki para a busca desse equilíbrio. Mas essas são apenas algumas opções, ser mais espiritualizado é algo que podemos praticar todos os dias, como explica esse artigo aqui. Alguns elementos podem ajudar nesse processo de interiorização, veja abaixo.

Elementos que favorecem a introspecção

Conectar-nos internamente é algo importante e necessário, mas nem sempre é fácil para quem não está habituado. Por isso, é sempre bom utilizar elementos que favorecem o autoconhecimento e a espiritualidade para favorecer as energias, possibilitando o contato com esse universo interno e descoberta de como alinhar todos os nossos corpos. Você pode optar por um incenso que estimule a espiritualidade e a purificação, a sua pedra de proteção ou a pedra do seu signo, uma essência de alinhamento de chakras, um amuleto de proteção, etc. Esses objetos são importantes pois trazem boas energias e equilíbrio ao seu corpo, facilitando o processo de autodescobrimento interno.

 

Estes são os produtos que recomendamos para você:

A WEMYSTIC utiliza cookies - pequenos ficheiros informativos - para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar, aceita que o façamos, a não ser que altere as suas definições, pelo que queremos que consulte a nossa Política de Cookies, antes de prosseguir, aqui.

Entendi